Your local office
We are looking for the closest office..

História

O Compromisso da CFI tem sido o de assegurar qualidade e uma visão estratégica comum. É uma preocupação constante de todos os executivos da CFI, a procura pró-activa das melhores formas de servir os seus clientes. Isto compreende investimento de tempo e recursos no fortalecimento do seu alcance geográfico, experiência sectorial e oferta de serviços. É com orgulho que todos os membros fundadores da CFI ainda fazem parte da estrutura actual o que demonstra a sua preserverança e camaradagem.

Um breve resumo da História da CFI:

2006 – Fundação 

A CFI foi fundada por banqueiros experientes dos EUA (PMCF), Alemanha e Suíça (Helbling) e Holanda (MBCF), com um longo historial de trabalho em conjunto. Desde então que se esforçam por fazer crescer constantemente o grupo, adicionando de forma selectiva novas empresas e geografias.

2007 – Crescimento Europeu

Expansão para Portugal (Tradinveste) e para o Reino Unido (Gambit) fundamentando a sua presença na Europa Ocidental.

2008 – Crescimento Asiático

Criada equipa na Índia (Aarayaa)

2009 – 2013 Construção de uma base Europeia

Em 2011 a Athema (França) e a Saski Partners (Polónia), juntam-se à CFI aumentando assim a presença da CFI na Europa Central.

2013 – 2015 Presença na América Latina

Expansão em 2013 para o Brasil (TFCF) que se traduziu num grande passo em frente na cobertura mundial.

2017 – Expansão na Ásia e reforço da base Europeia

A cobertura asiática da CFI aumentou fortemente com a junção à Frontier Management no Japão no início de 2017. Através da Saxum, juntaram-se também nesse ano à CFI a Hungria e a Roménia, proporcionando assim um acesso mais fácil à Europa Central, Oriental e do Sudeste.

2018 – Integração numa marca global

Presença nórdica reforçada com a inclusão da Censor AB na Suécia. É também em 2018 que vários membros da CFI integram a marca global da CFI como a sua marca principal.

2019 – Aumento da colaboração cross-border

A CFI aprofunda e expande a sua colaboração através de equipas sectoriais internacionais.